Radio Figueira | ATLÉTICO-GO x FIGUEIRA
8354
post-template-default,single,single-post,postid-8354,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,wpb-js-composer js-comp-ver-4.4.2,vc_responsive
 

ATLÉTICO-GO x FIGUEIRA

09 jun ATLÉTICO-GO x FIGUEIRA

Bola rolando no 2ºtempo no Estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia.

A primeira oportunidade do jogo foi do Atlético-GO, em jogada de bola recuada, a defesa alvinegra bobeou e Denis precisou operar um milagre logo no 1º minuto. Melhor em campo, o Figueirense partiu para cima e marcou 03 vezes.
O primeiro gol do alvinegro aconteceu aos 15 minutos, após cobrança de escanteio, a zaga bateu cabeça e Zé Antônio girou na área, batendo forte com a perna esquerda para o fundo das redes, 1×0.
O Figueirense seguiu melhor e o segundo gol aconteceu aos 19 minutos. Após contra-ataque do alvinegro, Gustavo Ferrareis recebeu de Zé Antônio e cruzou na medida para Renan Mota, que de cabeça marcou para o Furacão, 2×0.
O Atlético sentiu o golpe e o Figueirense marcou o terceiro aos 25 minutos. Após vacilo do adversário, Renan Mota cruzou pela esquerda e Gustavo Ferrareis cheou batendo de primeira, 3×0.
Aos 32 minutos Henan finalizou e Lucas Rocha cortou com o braço, pênalti não assinalado pela arbitragem.
O placar parecia definido, mas o Atlético-GO partiu para cima. Aos 39 minutos, após escanteio pela esquerda, Jr Brandão subiu alto de cabeça e diminuiu o marcador, 3×1.
Pouco depois, aos 41 minutos, após defesa do goleiro alvinegro, o atleta Fernandes fez falta em Denis, que recolocaria a bola em jogo. O árbitro nada marcou, mas Denis afastou o adversário, tocando em Fernandes na área. Desta vez o homem do apito “viu”. Pênalti cobrado e convertido por João Paulo, aos 45 minutos, 3×2.

O segundo tempo começou equilibrado. Aos 13 minutos, após cruzamento de Mascarenhas pela esquerda, Jr Brandão tocou com o braço na bola. O gol foi anulado pela arbitragem. O Atlético-GO partiu com tudo para buscar o empate, mas aos 19 minutos João Paulo avançou pela esquerda e mandou uma pancada “do meio da rua”, bola no ângulo esquerdo do goleiro Leo, golaço! Figueira 4×2.
Aos 25 minutos o Atlético-GO chegou com perigo, após grande defesa do goleiro Denis, a bola tocou de forma involuntária no braço do zagueiro Cleberson. O adversário pediu pênalti, mas desta vez o árbitro acertou ao não marcar nada. Aos 41′, mais uma chance para os goianos com Joanderson, que recebeu na área e chutou forte, Denis fez grande defesa, mas a arbitragem já havia anotado impedimento.
O “Dragão” diminuiu o placar novamente aos 45 minutos com Tomas Bastos, que aproveitou rebote da defesa alvinegra pelo lado direito e chutou forte, a bola desviou na zaga alvinegra e morreu nas redes, 4×3,
Empolgado pelo gol, o Atlético-GO se mandou para o ataque e aos 47 minutos, Joanderson bateu cruzado com a perna esquerda, Denis defendeu a bola que acabou tocando na trave na sequencia.
Fim de jogo: Atlético-GO 3 x 4 Figueirense.

Com o resultado, o alvinegro volta para o G-4, ocupando a 4ª posição, com 17 pontos conquistados.
O próximo compromisso do Figueirense será na Terça-feira (12), dia em que o Furacão completa 97 anos, às 20h30 diante do Sampaio Correa no Scarpelli.

ATLÉTICO-GO (3)
Leo; Alisson, Lucas Rocha, René e Mascarenhas; Rômulo (Tomas Bastos), Fernandes, Renato Kayzer (André Luís) e João Paulo; Júlio César (Joanderson) e Jr. Brandão.
Técnico: Cláudio Tencati

FIGUEIRENSE (4)
Denis; Diego Renan, Cleberson, Nogueira (Eduardo) e Lazaroni; Zé Antônio, Matheus Sales  (João Paulo),  Renan Mota (Felipe Amorim) e Ferrareis; Henan.
Técnico: Milton Cruz

No Comments

Post A Comment